top of page
  • Foto do escritorMarta Jardi

Maceió-AL: Piscinas Naturais de Pajuçara

Atualizado: 19 de mar. de 2023

Visitar as Piscinas Naturais de Pajuçara está entre as atrações mais procuradas por quem visita Maceió. E não é pra menos. Esse passeio é simplesmente IMPERDÍVEL!



O passeio de jangada às piscinas naturais de Pajuçara é um dos programas mais tradicionais entre as atividades dos turistas que visitam Maceió.


Acordamos cedo para pegar a maré baixa ( EXTREMAMENTE IMPORTANTE A MARÉ ESTAR BAIXA). O nosso hotel ficava bem em frente das jangadas, então era só atravessar a rua.




A apenas 2km mar adentro a partir da orla da capital alagoana, bancos de areia repletos de corais formam, durante a maré baixa, uma verdadeira piscina de águas clarinhas.



Nosso guia foi o jangadeiro credenciado S. Herlucano com mais de 20 anos de experiência com o mar. Isso foi importante porque ao longo do passeio ele foi nos explicando coisas e contando curiosidades, o que enriqueceu ainda mais a nossa experiência. Saímos em uma jangada, o tempo estava ótimo. Mesmo para quem não sabe nadar, consegue fazer esse passeio, pois para chegar às piscinas, ele oferece colete.



Eu nem acreditei que consegui ver peixes e Corais! Pra isso, é imprescindível fazer o passeio na maré baixa. Quando fomos, a maré estava bem baixa, perfeito para observar os peixinhos. O passeio impressiona devido a beleza dos aquários naturais que se formam na maré baixa. As águas transparentes são perfeitas para apreciação de toda a beleza natural do mar de Maceió.


Os peixes e os Corais são um show a parte. A natureza é simplesmente perfeita e é um privilégio poder ver tudo isso.

Mesmo com bastante turista, aproveitamos bem o momento!



Algumas das jangadas servem de bares com bebidas e petiscos. Por incrível que pareça, mesmo no meio do mar, há serviço de garçom e até mesinhas adaptadas de isopor que flutuam para comodidade dos visitantes. Os preços são normais, como no continente, e é possível até mesmo pagar com cartão em alguns casos.



Consulte a tábua de marés para se programar, pois ficamos sabendo que alguns guias vendem passeios mesmo com a maré alta. O ideal seria uma maré baixa de 0.0 e 0.5. Quando a maré começa a subir, os visitantes são chamados pelos jangadeiros. É hora de voltar.


Com toda segurança e experiência do jangadeiro Herlucano, muito educado, tranquilo e de extrema confiança, não fica acelerando o passeio e o único compromisso é fazer os turistas se encantarem com tanta beleza natural.




O passeio é uma delícia e pode ser feito por pessoas de todas as idades. Para quem está com crianças ou gosta de curtir um mar calminho e raso, o programa é imperdível.


E, além do passeio maravilhoso, conhecemos pessoas maravilhosas.


Amigas do RJ que levamos no coração: Eliene e Antonia


A Jangada do S. Herculano com valor de R$ 70 por pessoa (março 2022)


O que levar: sandália para não machucar o pé nos corais (evitar de pisar); máscara de mergulho se quiser mergulhar e máquina fotográfica para registar o paraíso. De maneira alguma esqueça o protetor solar, pois dependendo do horário do passeio, o sol pode estar bem forte e leve boné ou chapéu.




57 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page